Thursday, March 12, 2009

Relax awhile, come dance with me.




"Mas de tudo isso me ficaram coisas tão boas... Uma lembrança boa de você, uma vontade de cuidar melhor de mim, de ser melhor para mim e para os outros. De não morrer, de não sufocar, de continuar sentindo encantamento por alguma outra pessoa que o futuro trará, porque sempre traz, e então, não repetir nenhum comportamento. Ser novo." (Caio Fernando Abreu)

2 comments:

Flávia said...
This comment has been removed by the author.
Escarlate said...

Perfeito, Peron. O importante de um fim é ser capaz de enxergar o que ele nos possibilitará renovar. Se ficaram coisas boas, certamente, foi alg(o/uém) que veio para somar. Muito bom! Parabéns!